“Porque a memória é importante.” Janusz Korczak ganha mural em Florença

ache77_2

Trabalho em mural representando Janusz Korczak e um de seus alunos judeus na parede do prédio da escola primária Fanciulli, em Florença. O autor é um jovem artista que vive na capital da Toscana, um romeno chamado Ache77 (Foto: Gabriele Masi, Street Levels Gallery, Florença)

Um mural representando Janusz Korczak (pseudônimo de Henryk Goldszmit) com uma garota nos braços foi inaugurado no prédio da Escola Primária Fanciulli, na capital da Toscana, Florença. A inspiração foi uma imagem do famoso filme de Andrzej Wajda.

Por Bartosz Hlebowicz (Gazeta Wyborcza)

Tradução de Cristiano Goldschmidt

A idealização do projeto foi das autoridades de Florença, mais especificamente da  assessora cultural Sara Funaro (eles anunciaram essa ideia em 27 de janeiro, Dia da Memória do Holocausto). O mural foi inaugurado na quarta-feira, 4 de março.

– Por que Korczak?

– Eu própria sou membro da comunidade judaica de Florença – afirma Funaro. – A história de Korczak é especial e suas palavras se tornaram parte da Declaração dos Direitos da Criança. Escolhemos Korczak para ajudar a geração mais jovem a entender a importância de sua memória.

– Por que a escola Fanciulli foi escolhida para ter esse mural?

– Decidimos que ele deveria estar no V distrito, porque é o distrito mais populoso de Florença e o mais diverso quando se trata da origem dos habitantes.

ache77_130

Foto de Gabriele Masi, Street Levels Gallery, Florença.

“O céu deve estar azul”

A Escola Primária Fanciulli, na rua Policarpo Petrocchi, está localizada na periferia do norte da cidade, cercada de fábricas e de deprimentes paisagens. A região, somente às vezes é animada por grafites coloridos em grandes edifícios. Agora, se destaca entre eles um belo mural em homenagem à Janusz Korczak, médico e guardião das crianças que ele não deixou sozinhas no caminho para o campo da morte. O mural, do jovem artista apelidado de Ache77, cobre toda a parede do prédio da escola e tem 80 metros quadrados.

– Assim que me contaram esta história e propusemos implementar o projeto, fiquei comovido. Esse é um dos meus projetos mais importantes – disse Ache77, a quem visitei várias vezes durante as três semanas de criação do mural.

Ache77 veio para Florença há sete anos, da Romênia, para estudar pintura, como parte do programa Erasmus Mundus, intercâmbio para estudantes financiado pela Comissão Européia. Acabou ficando.

Atualmente é um dos jovens artistas de rua mais populares de Florença. Na maioria das vezes, ele usa modelos e serigrafia para seu trabalho. No ano passado, como parte do Festival Copula Mundi, ele preparou a magnífica exposição “Ritratti Dall’infanzia Negata” no “Cascina Park”, em Florença. Em grandes folhas de PVC, ele pintou grandes retratos de crianças de diferentes idades. Trabalho inspirado no álbum de Pino Bertelli, com o mesmo título, Portraits of Forbidden Childhood , no qual o fotógrafo que colaborou com a Ache77 apresentou crianças de vários lugares do mundo envolvidos em guerra.

– Decidi que os personagens deveriam ser em preto e branco, mas o céu deveria ser azul – diz Ache77 sobre o mural com Korczak. – Todas as crianças do mundo sabem que o céu deve ser azul. Mas eu também adicionei arame farpado.

ache77_51

Foto de Gabriele Masi, Street Levels Gallery, Florença.

Mural de acordo com Wajda

Ache77 coopera com a galeria de arte florentina Street Levels, dirigida por um grupo de jovens (ele também fez “Retratos da Infância Proibida” com eles). Foi a eles que as autoridades da cidade confiaram a implementação do projeto.

– O mural é baseado em uma imagem do filme de Wajda – explica Gianluca Milli, chefe da galeria. – Transformamos o rosto do ator graficamente no rosto de Korczak, embora a semelhança entre ambos seja enorme de qualquer maneira [a famosa imagem do filme apresenta o ator Wojciech Pszoniak segurando uma garota nos braços, interpretada por Maria Weymayr].

Milli contou às crianças sobre Korczak no início de fevereiro, quando Arche77 estava começando a desenhar o mural. Falou sobre direitos raciais, sobre os guetos para os judeus, sobre o próprio Korczak, o orfanato que dirigia em Varsóvia e sobre terem lhe ofertado ajuda para escapar antes de ser colocado no trem que partia para o campo de extermínio.

– E o que vocês fariam no lugar dele? – Milli pergunta às crianças.

“Ele deveria ter escapado”, diz uma delas, que imediatamente depois acrescenta: – Mas com as crianças.

ache77_45

Foto Gabriele Masi, Street Levels Gallery, Florença

“Um olhar profundo sobre o futuro”

O projeto recebeu grande apoio de Cristian Balle, presidente do quinto conselho distrital.

Argila e mármore. Alguns acreditam que as crianças são como argila, moldadas à mão, dando-lhes forma a partir do zero – Balle disse às crianças levadas ao pátio da escola no início de fevereiro. – Korczak acreditava que a criança era mais como um mármore. Já está formada, os adultos não precisam adicionar nada. O papel deles é apenas remover as camadas desnecessárias, como se faz com o mármore.

Os alunos de Fanciulli ouviram fragmentos dos livros de Korczak durante a aula, e depois foram convidados a contar sua história, também usando desenhos.

Falo sobre Korczak para uma jovem de 14 anos presente na cerimônia de inauguração do mural, que conta também com a participação das autoridades do distrito e da cidade.

– Ele não era apenas um professor, mas um segundo pai para essas crianças. Sua história é uma história de respeito e amor mútuos – diz Alessandro, outro jovem presente.

– Nesta foto, a aparência desses dois pares de olhos é para nos lembrar que, com o tempo, precisamos nos tornar guardiões da memória – disse Cristiano Balle, no dia 4 de março, quando autoridades da cidade, professores e crianças se reuniram para assistir ao trabalho final. Hoje, nem todos os lugares do mundo são respeitados. Sua visão simboliza um profundo olhar para o futuro. Este é um grande sinal de esperança, afinal.

korczak_dzieci-przed-muralem_4-marca

Inauguração do mural de Korczak, 4 de março de 2020, Foto Bartosz Hlebowicz

Lição de memória

“Muito obrigado por essa ideia e pelo belo trabalho”, disse a diretora da escola, Lucia Di Giovanni. – Graças a você, cada um de nós se lembrará dessa imagem e da história que ela conta e a passará para outras pessoas. Um pouco como um vírus, mas um vírus bom.

David Liscia, presidente da comunidade judaica em Florença, também participou da cerimônia de inauguração na quarta-feira.

– Não somos muitos em Florença, mas estamos aqui há muito tempo. Os judeus estão em Roma há muitos séculos, eles estavam aqui antes de Jesus – disse Liscia. – Por que o Korczak é especial? Muitas pessoas escrevem coisas bonitas e justas, mas depois não as seguem. Korczak não apenas escreveu. Ele foi fiel a si mesmo e ficou com os filhos até o fim.

Cosimo Guccione, assessor de esportes e juventude da prefeitura, chegou ao pátio da escola logo após o término dos discursos. Pulou de sua moto e disse brevemente:

– Esta área precisa urgentemente de arte pública. Agora vocês tem uma bela obra de arte, assim como nos museus. Vocês podem explodir de orgulho. Ciao!

Em entrevista à imprensa local, Guccione foi mais falador:

– Não basta lembrar. Você tem que ensinar sobre a memória aos jovens. Shoah, que aconteceu há mais de 70 anos, os preocupa mais do que a outros. Memória não é apenas uma lembrança, é algo que tem muito mais a ver com a nossa vida em comum, pessoal e política.

O caminho para a paz

A comuna de Florença há anos realiza uma série de variadas aulas artísticas e educacionais para as escolas, intitulada Percorso per la pace – Caminho para a paz. Como parte dessas atividades, as crianças visitam pontos historicamente importantes da cidade, museus, e participam de palestras e aulas de arte relacionadas à história.

korczak_szkola_27lutego2020

Foto Bartosz Hlebowicz

Um comentário sobre ““Porque a memória é importante.” Janusz Korczak ganha mural em Florença

  1. Pingback: “Porque a memória é importante.” Janusz Korczak ganha mural em Florença — Cristiano Goldschmidt | THE DARK SIDE OF THE MOON...

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s