Cartões postais antigos revelam clima de paz e tranquilidade na Polônia do início do século passado.

Mensagens contidas nos postais mostram que os poloneses viajavam bastante nos anos que antecederam a segunda guerra mundial, quando o país, denominado “Coração da Europa” pelo historiador inglês Norman Davies, foi o que mais sofreu com as ações das tropas nazistas comandadas por Adolf Hitler.

Dados como perdidos e encontrados recentemente em um baú enquanto buscava por documentos e fotografias de meus antepassados, os postais foram adquiridos em 1999 em um antiquário da Polônia, e fazem parte da minha coleção. Nos últimos dias trabalhei na tradução das mensagens e contei com a colaboração de amigos poloneses e do amigo Edilson Ribeiro de Lima, brasileiro radicado há mais de duas décadas em Cracóvia, que me ajudaram a decifrar a caligrafia que dificultava a compreensão de algumas palavras.

O postal enviado de Palermo, em 26 de fevereiro de 1925, tem como destinatário o “Excelentíssimo Sr. Ministro Lasocki”, da embaixada da Polônia, em Praga, República Tcheca. A identidade do remetente, ou da remetente, não foi identificada por mim, nem por meus amigos, mas a mensagem enviada ao ministro pôde ser traduzida na íntegra. Diz ela: “Enviamos nossos mais sinceros cumprimentos de uma das partes mais bonitas do mundo. É a primeira vez que estamos na Sicilia, Palermo também é muito agradável e acolhedora. Um clima maravilhoso. Hoje partiremos à Siracusa e Taormina, e de lá para casa”.

Em 14 de outubro de 1930, Marja Warchałowska, da pequena cidade de Bobowa, enviou um lindo postal para a “Excelentíssima Sra. Diretora Jadwiga Klugierowa”,  na cidade de Tuchów. Sem imaginarem os horrores da guerra que lhes aguardava a partir de 1939, a imagem da gôndola veneziana nos remete a um período em que os poloneses desfrutavam de um clima de paz e tranquilidade, livre de preocupações, como demonstra a tradução:

“Querida Jadwiga,

Em seu dia onomástico, desejo-te de todo coração, muita saúde, cem anos de vida com muita alegria, paz; que sejas sempre muito feliz e que Deus te abençoe em cada passo.

Beijos e abraços cordiais.

Queria muito parabenizar-te pessoalmente, mas não estou podendo viajar amanhã.

Para Poldek, beijos e lembranças do Stanislaw.

Saudações,

Marja Warchałowska”

Um dos postais mais antigos da minha coleção é de Veneza e mostra pessoas e pombos na entrada da Igreja de São Marcos, e foi enviado desta cidade para Varsóvia a “Senhorita Iréne de Gautier”, em 08 de setembro de 1910, com uma breve mensagem: “Beijos carinhosos para você querida Irene, e para Krysiu (diminutivo de Cristina, em polonês). Assinado apenas por “Mamãe”.

 

4 comentários sobre “Cartões postais antigos revelam clima de paz e tranquilidade na Polônia do início do século passado.

  1. MENTIRA !
    Primeiro : A Polônia , como país só passa a existir como tal , país , no século pp em 1917 com a vitória do Reich ( ll ) na frente Russa e é exatamente por ato do ll Deutches Reich recriada !
    Segundo : uma Judia de origem Polonesa como o Sr , tentando replicar o que um tb Judeu ( ( enrustido mas Judeu – Blanck ) + conhecido por Lenin cometeu contra a Rússia prevaledo-se do caos da guerra e cometendo as maiores atrocidades contra a Cristandade Ortodoxa e Eslava ( ou seja : os verdadeiros Russos ! ) com a precioso auxílio do tb Judeu – e criminoso – Bronstein , + conhecido por Trotsky ) ; enfim , essa dita cuja que dá nome a rua em bairro nobre Portoalegrense ( provável proposta ou influência de algum Patrício ! ) mergulha a Alemanha no caos levando-lhe à derrota e a ignomínia de Versailles ; porém sem exito acerca de Balfour ( criar Israel sobre terras milenarmente ocupadas por terceiros ) , provavelmente seu verdadeiro e único fim por trás do pretexto ” revolucionário ” !
    Com Versailles a Alemanha traída é mergulhada no caos , sofrimento , miséria e dor moral imposta pelos recalcados Franceses principalmente ! Numerosos populares Germânicos de territórios criminosamente entregues à terceiros , especialmente Poloneses , tornam-se repentinamente párias onde sempre viveram a passam a sofrer progressivos atos discriminatórios pelos tb recalcados Poloneses em que pese a Polônia ter sido recriada pelo Reich em 17 como já referi ! Resultado : NZ , Hitler , Pacto Ribbentropp – Molotov ( esposa Judia ) e a catástrofe da Guerra na qual fomos envolvidos e a Germanidade Brasileira conheceu ( houve um ensaio em 1917 ) a verdadeira face do ” Homem Cordial ‘ Brasileiro ‘ ” ! Até ” Kristallnacht ” tivemos aqui , mas livro de história algum cita isso ! Para concluir ( acerca do ” afável ” relacionamento Polono – Judaico ) , lembro que o massacre da oficialidade Polonesa em Katin foi ordem de Béria , Judeu como o Sr !
    Passar Bem !!!!!!!!!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s